segunda-feira, 1 de setembro de 2008

Irmãos Campana


"Vibrante, colorido e cheio de brio".
(... é assim que o Design Museum de Londres resume o trabalho dos irmãos Campana).


Os dois irmãos são hoje conhecidos em todos os lugares do mundo por suas inigualáveis qualidades numa arte extremamente técnica e sofisticada: o design de arte, que inovam cada vez mais, maravilhando a todos com sua simplicidade e com a utilização de materiais comuns, encontrados em todos os lugares.


...
Os dois viveram sua infância e adolescência em Brotas. Já formados, foram para São Paulo, onde iniciaram sua carreira artística.
Nestes quase 20 anos, viajaram pelo mundo todo, fazendo exposições pessoais e coletivas, workshops, palestras, cursos, ganharam inúmeros prêmios, tem suas obras expostas nos principais museus do mundo e são hoje, sem dúvida nenhuma, reconhecidos pela crítica especializada, como designers de maior criatividade deste início do século XXI.
O trabalho destes dois irmãos, que nunca pensaram em ser verdadeiros designers, distingue-se pela pesquisa de materiais revolucionários, o que passa em grande parte pela utilização de materiais reciclados.


Numa altura em que as preocupações ambientais parecem transbordar para todas as áreas, estes dois designers conseguiram incutir uma dinâmica de criatividade alicerçada no mais genuíno espírito ecológico.


Tudo começou com a exposição...

"Descofortáveis" em 1989. Aí apresentaram peças sem acabamento aparente, o que deixava entrever uma boa dose de subversão das formas e texturas. Obs...
Não encontrei o nome da cadeira, mas é feita de EVA colorido um material super simples, deixando a peça bem descontraída e inovadora, só não sei se é confortável, rs.

Depois o ritmo de criação foi acelerando até que em 1997, a Luminária Estela foi selecionada para ser produzida pela empresa italiana O Luce, dando reconhecimento internacional aos designers. (não encontrei essa luminária, mais deve ser massa, rs).

Depois vieram as criações mais emblemáticas (isto é que tem caráter próprio) em que se inclui a "Mesa insuflável", a "Poltrona Bolas" ou a "Cadeira Favela". Todas estas criações respiram bom humor e uma transgressão do sentido da função dos objetos.








Saiba mais...
Cadeira Favela - É a prova de que a parceria pode render bons frutos é a união da fábrica italiana Edra com os irmãos Fernando e Humberto Campana, os mais conceituados designers brasileiros. Juntos eles produziram a "favela", uma cadeira feita de restos de madeira que recebe encomendas de diversos países. Em 2002, essa obra de arte que custa 2 mil euros foi responsável por 10% do lucro da empresa.
















Cadeira Bolas ,1992.


Os irmãos Campana tinham conseguido provar que uma certa preocupação ecológica não tem que esxistir divorciada de um sentimento de grande pluraridade, alegria e muita inovação.

Plástico, papelão, metais, fibras de algodão, borracha ou os detritos mais variados, são as matérias que compõem estes objetos.











Detalhe do Puff Vitória Régia feita de eva.




Cadeira Anêmona em fios plásticos.


É interessante ver como estas peças transcendem o aspecto meramente funcional de móveis do dia a dia, conferindo-lhes um aspecto lúdico e escultural.


Algumas destas obras-primas simplesmente não têm qualquer função, a não ser o de assumirem uma nova postura libertadora através do “Design made in Brasil by Irmãos Campana”.

E como não podia deixar de ser, é a grande indústria do mobiliário que está agora de olhos postos nestes dois irmãos prodígio.


São eles a grande lufada de ar fresco que ultrapassa e transcende uma cultura de Design demasiadamente alicerçada nos valores tradicionais da sua própria história.

É um mundo de originalidade e beleza reproduzido em pequenas séries por prestigiadas empresas como a Edra ou a Vitra.



Cadeira Vermelha


Tudo em pequena escala já que estamos a falar de uma produção semi-artesanal E o reconhecimento internacional deste novo Design emergente toma agora uma proporção também institucional.


As peças dos irmãos Campana estão representadas em importantes museus internacionais, entre os quais o MoMA (Museum of Modern Art) Também figuram em destaque em todas as mostras pontuais de Design, como foi o caso da Experimenta Design de 2003 em Lisboa, que lhes prestou homenagem.


No Brasil, a comunidade do Design é grata aos Irmãos Campana por terem conseguido impor uma linguagem que se afasta radicalmente das bases de reflexão do Design italiano, incutindo algo a que podemos chamar de genuinamente brasileiro.


Está provado que o público internacional não conseguiu resistir ao fulgor criativo destas obras que reflectem um universo lúdico, poético e impregnado de consciência ecológica.

Na próxima postagem, terá uma galeria com suas maiores obras e as mais facinantes também...

4 comentários:

Jana disse...

Oi chatinho, eu so vou colocar um comentário aqui porque vc disse que vai me ensinar fazer um blog tah? Tipo... eu li tudoooooo rsrsrsrsrs
Q meeeeeeeeentira .... kkkkkk
Mas.. falando serio assim q eu tiver um tempinho irei ler tudo e com calma ... mas vi a estética do blog ficou massa, como você diz "Ficou Chique"
Um beijo

A sem esquecer fui a 1ª \o/ a deixar comentario ... Grande estréia
=p

Jana

jaf disse...

Resumindo, os Irmãos Campana sao futuristas, simples e invadores. É isto ai amigo, parabens pelo blog,vai nos ajudar a ter uma visao mais ampla da arquitetura e seu mundo magico. Valeu mesmo

Angela Maria disse...

Olá... não faço arquitetura ou decoração, mas sou apaixonada... vc se incomodaria de incorporar no seu blog um link de uma bookstore nestas áreas... É uma livraria só de especializados, com livros exclusivos... se puder, responda-me, ok? O endereço do site é http://www.livrariabks.com.br/

MR.J.P. disse...

lindooooo,
nossa amo o trabalho deles
sou doido nessa cadeira favela
simplismente demais
abraçoss